Alinhadores Invísiveis: O futuro pode ser feliz!

Alinhadores invisíveis: uma solução moderna para sorrisos mais bonitos

Os avanços tecnológicos revolucionaram a área da ortodontia, trazendo consigo opções inovadoras para corrigir problemas de alinhamento dos dentes. Entre essas opções, surgiram os alinhadores invisíveis, que se destacam como uma alternativa estética e conveniente aos aparelhos ortodônticos tradicionais. Com sua capacidade de corrigir problemas de má oclusão de forma discreta e confortável, esses dispositivos têm conquistado um número crescente de adeptos em busca de um sorriso mais bonito e harmonioso.

Diferentemente dos aparelhos metálicos convencionais, os alinhadores invisíveis são transparentes e removíveis, fabricados sob medida para cada paciente. Por meio de tecnologia avançada de imagem em 3D, eles são projetados para aplicar forças suaves e controladas aos dentes, movendo-os gradualmente para a posição correta ao longo do tempo.

Conforto, estética e resultado!

Os alinhadores invisíveis são confeccionados com materiais termoplásticos transparentes, como o poliuretano termoplástico (TPU) ou o poliéster, e quando posicionados nos dentes, tornam-se praticamente imperceptíveis. Essa característica estética é especialmente valorizada por aqueles que desejam corrigir seus dentes de maneira discreta, sem comprometer a aparência do sorriso durante o tratamento.

Além da vantagem estética, a removibilidade é outro benefício significativo dos alinhadores invisíveis. Ao contrário dos aparelhos fixos, eles podem ser facilmente removidos durante as refeições e a higiene bucal, permitindo maior liberdade e praticidade no dia a dia. Isso facilita a escovação adequada dos dentes e o uso de fio dental, contribuindo para a manutenção de uma boa saúde bucal ao longo do tratamento ortodôntico.

Os alinhadores invisíveis são o futuro!

Embora os alinhadores invisíveis sejam altamente eficazes para corrigir uma ampla gama de problemas ortodônticos leves a moderados, é importante ressaltar que casos mais complexos podem requerer outros tipos de tratamento. Assim sendo, é fundamental marcar uma consulta com um ortodontista qualificado, que realizará uma avaliação detalhada e orientará sobre a abordagem mais adequada para cada caso específico.

Os alinhadores invisíveis representam uma opção moderna e versátil para aqueles que desejam um sorriso mais bonito e alinhado. Com tecnologia avançada, conforto e estética discreta, eles têm se tornado uma escolha popular entre pacientes de todas as idades. Portanto, se você busca uma maneira eficaz e conveniente de corrigir o alinhamento dos dentes, os alinhadores invisíveis podem ser a solução ideal que você estava procurando.

DR MERCHED DAMEN NETO MELHOR DENTISTA FOZ DENTISTA FOZ APARELHO DENTAL FOZ APARELHO ODONTOLÓGICO FOZ ODONTOLOGIA FOZ MERCHED DAMEN NETO MELHOR DENTISTA FOZ MELHOR DENTISTA FOZ DENTISTA FOZ

transforme seu sorriso!

Os alinhadores invisíveis são uma opção popular e inovadora no campo da ortodontia. Eles são dispositivos transparentes e removíveis que ajudam a corrigir problemas de má oclusão e desalinhamento dos dentes, proporcionando um sorriso mais bonito e uma melhor função mastigatória.

FUNCIONAMENTO

Os alinhadores invisíveis são feitos sob medida para cada paciente, utilizando tecnologia avançada de imagem em 3D. Eles são projetados para aplicar forças suaves e precisas aos dentes, movendo-os gradualmente para a posição correta ao longo do tempo.

MATERIAL

Os alinhadores invisíveis são geralmente feitos de um material termoplástico transparente e resistente, como o poliuretano termoplástico (TPU) ou o poliéster. Esses materiais são seguros, confortáveis de usar e praticamente invisíveis quando colocados nos dentes.

TROCA REGULAR

Normalmente, os alinhadores invisíveis são trocados a cada duas semanas, avançando para um novo conjunto que pressiona os dentes para a próxima etapa do alinhamento. Esse processo gradual permite um movimento suave e controlado dos dentes ao longo do tempo.

REMOVIBILIDADE

Uma das principais vantagens dos alinhadores invisíveis é a capacidade de removê-los durante as refeições e a higiene bucal. Isso proporciona mais liberdade e conveniência para comer, escovar e usar fio dental, em comparação com os aparelhos tradicionais fixos.

INDICAÇÕES

Os alinhadores invisíveis são eficazes para corrigir uma variedade de problemas ortodônticos leves a moderados, incluindo desalinhamento dos dentes, espaços entre os dentes, mordida cruzada, sobre mordida e submordida. No entanto, casos mais complexos podem requerer outros tipos de tratamento ortodôntico.

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

A duração do tratamento com alinhadores invisíveis varia de acordo com as necessidades individuais de cada paciente. Em média, um tratamento com alinhadores invisíveis dura de 6 a 18 meses, dependendo da complexidade do caso.

CONSULTA E PLANEJAMENTO

Antes de iniciar o tratamento com alinhadores invisíveis, é necessário realizar uma consulta com um ortodontista qualificado. Durante essa consulta, serão feitos exames, como radiografias e moldagens dos dentes, para planejar o tratamento de forma personalizada.

ACOMPANHAMENTO

Durante o tratamento com alinhadores invisíveis, é importante seguir as orientações do ortodontista e comparecer às consultas de acompanhamento programadas. Isso permite que o progresso seja monitorado, os ajustes necessários sejam feitos e que o resultado final seja alcançado com sucesso.

    campos marcados com * são obrigatórios

    Aparelhos Ortodônticos: Transformando Sorrisos com Precisão e Conforto

    Aparelhos Ortodônticos: Transformando Sorrisos com Precisão e Conforto

    Na busca por um sorriso perfeito e uma saúde bucal ideal, é comum encontrar pessoas que possuam necessidades específicas relacionadas ao alinhamento dos dentes. Nesse contexto, os aparelhos ortodônticos surgem como uma solução eficaz para corrigir problemas de má oclusão e proporcionar resultados duradouros. Este texto abordará desde os modelos mais tradicionais até os mais recentes, oferecendo uma visão completa sobre os aparelhos ortodônticos e seus benefícios.

         Os aparelhos ortodônticos tradicionais, como os brackets metálicos, são amplamente conhecidos por sua eficiência na correção de dentes desalinhados. No entanto, o avanço da tecnologia trouxe consigo modelos mais discretos e confortáveis, como os aparelhos estéticos de porcelana ou safira. Essas opções oferecem resultados igualmente eficazes, sem comprometer a estética do sorriso durante o tratamento.

    Além disso, os avanços na área da ortodontia também deram origem a modelos inovadores, como os aparelhos autoligáveis. Esses sistemas dispensam o uso de elásticos e utilizam dispositivos de encaixe, permitindo um controle preciso dos movimentos dentários e reduzindo o tempo de tratamento. Outra opção é o aparelho lingual, que é colocado na parte interna dos dentes, tornando-se praticamente invisível aos olhos.

         Os aparelhos ortodônticos, sejam eles tradicionais ou os modelos mais recentes, são ferramentas poderosas para transformar sorrisos e proporcionar uma melhoria significativa na qualidade de vida dos pacientes. Por meio de um planejamento cuidadoso e do acompanhamento de um profissional qualificado, é possível superar as objeções e limitações comuns, garantindo um resultado final excepcional. Agende uma consulta com um ortodontista especializado e descubra como um aparelho ortodôntico pode transformar seu sorriso de forma precisa e confortável.

    Aparelhos Dentais: Mudanças e Cuidados para uma Rotina Saudável

    Quando decidimos usar um aparelho dental, sabemos que mudanças significativas estão por vir. Além dos benefícios estéticos e funcionais, é importante entender as alterações que ocorrerão em nossa rotina diária e os cuidados necessários para manter o tratamento eficaz. Neste texto, abordaremos essas mudanças e forneceremos dicas essenciais para uma rotina saudável durante o uso de aparelhos dentais.

         Com a colocação do aparelho dental, é comum sentir um certo desconforto nos primeiros dias. A adaptação aos novos elementos e a presença do metal podem causar sensibilidade ou irritação na boca. No entanto, com o tempo, a maioria dos pacientes se acostuma com a presença do aparelho e o desconforto diminui.

    Durante o tratamento, é fundamental manter uma higiene bucal rigorosa. Escovar os dentes após cada refeição, utilizar fio dental diariamente e fazer enxágue com um antisséptico recomendado pelo ortodontista são cuidados essenciais para evitar o acúmulo de placa bacteriana e problemas de saúde bucal.

         Além disso, alguns cuidados específicos devem ser seguidos, como evitar alimentos duros, pegajosos ou muito açucarados, pois podem danificar o aparelho ou aumentar o risco de cáries. É importante também comparecer às consultas de acompanhamento regularmente, permitindo que o profissional faça os ajustes necessários e monitore o progresso do tratamento.

        Ao optar por um aparelho dental, é necessário estar ciente das mudanças que ocorrerão na rotina e estar comprometido com os cuidados necessários. Seguir as orientações do ortodontista e manter uma rotina de higiene bucal adequada são fundamentais para garantir o sucesso do tratamento e alcançar os resultados desejados. Conte com a orientação de um profissional qualificado para realizar o acompanhamento necessário e alcançar um sorriso bonito e saudável. Não hesite em buscar ajuda de um ortodontista experiente para cuidar de seu tratamento ortodôntico da melhor forma possível.

    Texto by @growpel | D. J. Q’asfen

      campos marcados com * são obrigatórios

      Mitos e verdades sobre o clareamento dental

      Primeiramente, é importante ressaltar que existem diversas informações incorretas relacionadas à saúde bucal. Dentre elas, o clareamento dental é um tema que apresenta muitos mitos. Continue lendo para descobrir a verdade sobre esse assunto.

      Ter dentes mais brancos é um desejo comum entre as pessoas. No entanto, nem todos os métodos de clareamento dental são confiáveis ou eficazes para atingir a tonalidade desejada.

      Você sabe quais são as práticas recomendadas e não recomendadas para alcançar um sorriso mais branco?

      COMO (NÃO) CLAREAR OS DENTES

      Existem muitas receitas caseiras na internet que prometem clareamento dental instantâneo. No entanto, a maioria delas não é eficaz e pode até ser prejudicial à saúde bucal. Por exemplo, o uso de vinagre de maçã, leite em pó com creme dental, água oxigenada ou bicarbonato com limão não é recomendado.

      Embora o bicarbonato possa dar a impressão de clareamento, ele na verdade desgasta os dentes e, quando combinado com o limão, pode causar ainda mais danos. E não é isso que se espera, certo?

      o verdadeiro clareamento dental

      Agora que você já sabe o que evitar ao buscar um clareamento dental, é hora de conhecer as opções mais eficazes. Atualmente, existem diversos tratamentos disponíveis para quem deseja ter dentes mais brancos. Vamos explorar as opções mais comuns:

      Clareamento caseiro

      O clareamento dental caseiro com placa de silicone e gel clareador é uma opção eficaz para quem deseja ter dentes mais brancos. O paciente recebe uma placa personalizada que deve ser preenchida com o gel e usada durante a noite para obter os melhores resultados.

      Placa de clareamento dental feita em silicone na clínica Prime Sorriso.

      técnica com laser

      O clareamento dental a laser é um tratamento rápido e eficaz para quem deseja ter dentes mais brancos. O procedimento é realizado no consultório odontológico e utiliza luz laser para ativar o gel clareador aplicado nos dentes, proporcionando resultados imediatos.

      clareamento interno

      O clareamento dental interno é um tratamento indicado para dentes que escureceram devido a traumas ou tratamentos de canal. O procedimento é realizado no consultório odontológico e consiste na aplicação de um agente clareador dentro do dente afetado para restaurar sua cor natural.

      MITOS E VERDADES SOBRE CLAREAMENTO DENTAL

      OS DENTES FICAM DANIFICADOS

      É um MITO que o clareamento dental enfraquece ou deixa os dentes porosos. Embora possa haver um aumento temporário na sensibilidade dentária, o procedimento não corrói o esmalte e a sensibilidade tende a diminuir após o tratamento.

      ALGUNS ALIMENTOS SÃO PROIBIDOS

      É VERDADE que para manter o resultado do clareamento dental é necessário regular alimentos com corantes. Alguns exemplos incluem:

      • café;
      • refrigerantes à base de cola;
      • beterraba;
      • chocolate; e
      • chá preto.

      Esses alimentos podem interferir na durabilidade do tom alcançado no procedimento e, portanto, é recomendado evitá-los.

      TODOS PODEM FAZER O PROCEDIMENTO

      É um MITO que todos podem realizar o tratamento de clareamento dental. Existem algumas contraindicações para o procedimento, incluindo mulheres grávidas, pacientes com sensibilidade ao medicamento e crianças menores de 10 anos.

      É importante consultar um dentista para determinar se o clareamento dental é adequado para você.

      BICARBONATO DE SÓDIO CLAREIA OS DENTES?

      É parcialmente verdade que o bicarbonato de sódio pode ser usado para clarear os dentes.

      Embora seja frequentemente recomendado para esse fim, é importante notar que é uma substância altamente abrasiva e deve ser usada com cautela, recomendavelmente, apenas no consultório e após a consultar um dentista.

       

      Este conteúdo foi atualizado e revisado em 05/05/2023, às 11h10.

       

      Quais as causas do tártaro?

      ENTENDENDO O QUE É TÁRTARO

      Primeiramente, o que é o tártaro? – É a placa bacteriana que endurece, cobrindo os dentes e parte das gengivas. E seu sinal mais comum, é a uma cor marrom ou amarela nos dentes, na margem gengival.

      O tártaro concede ao biofilme ( placa bacteriana) um espaço maior, o que propicia seu
      crescimento; Sendo assim, pode levar a problemas sérios como cárie e gengivite. Então, além de ser esteticamente desagradável, é também perigoso.

      remoção

      Realizar apenas a escovação e usar fio dental não é capaz de removê-lo efetivamente. Será necessário se consultar com seu dentista, pois apenas o profissional pode ajudar a resolver esse problema.

      Como surge O TÁRTARO?

      Á grosso modo, a principal causa do surgimento do tártaro seria a falta de higiene bucal.Nesse sentido, ele surge por conta das bactérias nocivas presentes em nossa boca. Quando essas bactérias se misturam com proteínas ou outras substâncias – Acontece o processo de desenvolvimento da placa.

      A má qualidade da higiene bucal vai resultar no cálculo dental pelo seguinte motivo: O acúmulo de restos de alimento, favorece a proliferação de bactérias nocivas, criando o ambiente perfeito para realizar as suas reações vitais.

      O maior responsável nesse quesito são os açúcares, mas qualquer tipo de resto de comida pode causar a proliferação das bactérias; Consequentemente aumentando a extensão da placa e o seu posterior endurecimento, formando o tártaro.

      PREVENÇÃO

      • Faça a higienização bucal todos os dias, após as refeições e antes de dormir.
      • Use sempre o fio dental.
      • Não deixe de usar um enxaguante bucal.
      • Evite o excesso de alimentos mais açucarados ou cheios de carboidratos.
      • Vá ao dentista regularmente

      O Tratamento de tártaro

      LIMPEZA COM RASPAGEM

      Primeiro de tudo é usado para a raspagem o raspador ultrassônico: que faz pequenas vibrações em alta velocidade, Nesse sentido, ajuda na remoção das placas bacterianas e do tártaro dos dentes.
      Porém, nada impede a limpeza de ser feita com instrumentos mais simples.

      LASER

      O laser é um equipamento que ajuda a centralizar o tratamento somente na área do dente e gengiva afetados, tirando o tártaro e deixando os dentes mais limpos, sem causar danos aos dentes e às gengivas, que estão saudáveis.

      SISTEMA VECTOR

      O sistema Vector é similar ao raspador ultrassônico, retira a placa bacteriana, e o tártaro e deixa os dentes mais limpos e saudáveis.No entanto, esse equipamento causa menor desconforto e dor durante a limpeza dos dentes.

      O problema de respirar pela boca.

      Naturalmente, é comum pensar que não há problema em respirar pela boca, embora o correto ser a respiração feita pelo nariz; Para quem realiza a respiração bucal, é possível perceber alguns efeitos que a mesma traz para saúde.Continue lendo.

      O MAL DA RESPIRAÇÃO BUCAL

      Sim, a respiração bucal é grave e traz consequências! Afinal, se caracteriza pela obstrução das vias aéreas superiores, que leva o paciente a adquirir o hábito de respirar pela boca. Posteriormente, o paciente pode apresentar algumas alterações, como:

       

      O QUE RESPIRAR PELA BOCA PODE LHE CAUSAR

      • Cansaço físico
      • Deglutição de ar
      • Enxaquecas
      • Ronco e apneia
      • Infecção do aparelho respiratório
      • Baixos níveis de oxigênio no cérebro (causando dificuldade de concentração e atenção.)

      Á longo prazo, o fato de ser um respirador bucal pode levar á um mau posicionamento dentário, devido a estrutura óssea ser muito ligada com a função respiratória.

      Aliás, crianças e adultos que possuem TDAH (transtorno de déficit de atenção e hiperatividade) se sentem ainda menos concentrados, pois há falta de oxigênio no cérebro, o que piora o foco.

      POR QUÊ ISSO ACONTECE?

      Quando há algum impedimento na passagem do ar pelo nariz a respiração passa a ser pela boca. A respiração oral acontece por alguma obstrução, podendo ser:

      • Um desvio de septo nasal, aumento das conchas nasais, processos inflamatórios e infecciosos (gripes, resfriados, sinusites, rinites, tumores nasais), ou até mesmo por alterações neurológicas e anatômicas do sistema respiratório.

      Quando a respiração bucal é crônica, o desenvolvimento e funções do crescimento dos ossos, músculos da face, dentes e tecidos da boca estão comprometidos. Como resultado, prejudicam a oclusão dos dentes.

      QUAL A CAUSA?

      Entre os vários fatores que levam á respiração bucal, podemos citar a rinite alérgica: 

      A Rinite Alérgica é uma das principais causas de Respiração Bucal, e afeta a qualidade de vida, piora o desempenho escolar e no trabalho, além de desenvolver outras doenças paralelas como sinusite, asma e diversas deformidades faciais.

      Além disso, faringite, amigdalite,gripes e pneumonias são algumas das contaminações que podem surgir só por que o indivíduo respira pela boca. Uau!

       

       

      COMO SABER SE TENHO?

      Para descobrir se você realiza a respiração oral, observe seu hábitos quando vai dormir, se você:

      -Baba enquanto dorme;
      -Assim como tem sono agitado
      -Acorda com a boca seca (pois precisava dela para respirar)
      -Apresenta dificuldades para mastigar de boca fechada
      -Logo, tem dentes tortos;
      -Tem olheiras
      -Mas também pouca concentração

      Então é bem provável que você seja um respirador bucal.

      Agende uma avaliação com a gente e saiba mais sobre esse caso! Clicando no botão flutuante de whatsapp, que fica ao lado da página. 

      O que a cor da língua indica?

      Á primeira vista, essa pode parecer uma pergunta estranha, mas não subestime o que a aparência de sua língua pode revelar sobre sua saúde: De problemas que vão de infecções e até mesmo doenças no coração, Hoje vamos entender o que cada tonalidade significa.

      se atente a saúde da língua

      Mas, como é possível saber tanta coisa, apenas examinando a língua? Acontece que uma série de problemas se manifesta por alterações nesse músculo; Embora a ciência não saiba identificar ainda o porquê exatamente. É um exemplo se citarmos a anemia, em que o indíviduo relata uma ardência e sensação de queimação na hora de comer.

      Dessa forma, para podermos identificar o que há de errado com nossa língua é preciso antes de tudo, conhecê-la. 

      Abaixo , podemos ver sua anatomia.

      anatomia da língua

      1- Epiglote: Sua função é impedir a ligação da faringe com a laringe.

      2- Amígdalas: Cuja função é combater as bactérias e agentes infecciosos em geral que tentam entrar no organismo

      3-  Papilas circunvaladas: Essa área permite que os líquidos ingeridos fluam facilmente.

      4- Papilas fungiformes: detectam o sabor, mas também são sensíveis à temperatura e ao toque.

      5- Papilas filiformes: Essas papilas criam uma textura áspera e abrasiva que auxilia na limpeza da boca na mastigação, e na fala.

      6- Sulco mediano: divide a língua em duas metades simétricas.

      AS MUITAS CORES DA LÍNGUA: QUAL É A SUA?

      tonalidades

      Rosa claro- Se sua língua possui a cor rosa claro: Não se preocupe! Não tem nada de errado e essa é a cor normal.

      Tom escuro- Pode ser tanto por má higiene bucal, boca seca (causada pela baixa produção de saliva) proveniente do tabagismo, ou até gastrite.

      Amarelada- Se possui um tom amarelado, é possível que haja algum problema no sistema digestivo; Além disso, outras possíveis razões podem ser; língua geográfica (quando a se perde parte das papilas) ou medicamentos contendo bismuto.

      Tom arroxeado: Indica deficiência de nutrientes. Como exemplo vitamina B2 ou riboflavina, Ou também, um sinal de má circulação, por causa de algum trauma forte.

      Vermelho: Ter um tom mais avermelhado que o normal pode indicar aumento da temperatura corporal, e ser sinal de alguma infecção ou inflamação no corpo.

      Vermelho muito intenso: Cuidado! Pois essa cor indica que é hora de fazer uma visita ao cardiologista, visto que pode sinalizar a presença de alguma doença cardíaca, ou relacionada ao sangue.

       

      Agora que você entende o que cada tonalidade significa, não deixe para apenas a cadeira do dentista: Faça sua autoavaliação olhando no espelho, e se perceber algo estranho, procure saber do que se trata rapidamente.

      Aparelho ortopédico: o que é?

      Primeiro de tudo, você sabia que há um meio de previnir o uso do aparelho ortodôntico no futuro? Sim, isso é verdade! E é possível graças ao aparelho ortopédico. Continue a leitura e saiba mais.

      Ajuda na prevenção de problemas maiores

      Por exemplo, se uma criança/adolescente possui dentes tortos: O que fazer para resolver? Certamente, a melhor opção seria colocar aparelho fixo, mas ás vezes, o problema é mais sério. Mas você sabia que há um modo de corrigir vários problemas, precocemente?

      Em outras palavras, o aparelho ortopédico visa corrigir alguns maus hábitos e má oclusões; E atua na reeducação da musculatura facial e mastigatória.

      Dentre eles, temos:

      •  respiração bucal
      • deglutição atípica
      • posicionamento incorreto da língua
      • distúrbios respiratórios do sono.

      pOR QUÊ AS CRIANÇAS TEM OS DENTES TORTOS?

      Na infância, os músculos da face ainda estão se desenvolvendo,  ou seja, estão em constante mudança. Então se a criança tem o hábito de chupar chupeta, o dedo, entre outros, Isso pode afetar o correto desenvolvimento dessa musculatura.

      Devido aos diferentes tipos de má oclusão, o tratamento por vezes inicia precocemente.Entretanto, adolescentes e adultos também estão aptos para realizar este tratamento.

      Em que casos o tratamento é indicado?

      é indicado para vários casos, como:

      •  Problemas ortodônticos – sobremordida, mordida aberta ou cruzada, prognatismo, diastema (dentes separados)
      •  Distúrbios respiratórios do sono – Ronco, apneia do sono
      • Bruxismo (ranger dos dentes)
      • Disfunção da articulação temporomandibular.

      Como o aparelho ortopédico atua

      Após ter o diagnóstico feito por um especialista, o tratamento se inicia. No decorrer dele, claro, irá fazer o uso do aparelho ortopédico, mas de exercícios e técnicas também. Lembrando que, os aparelhos não são todos iguais e alguns contam com dispositivos específicos para diferentes casos.

      Abaixo, alguns tipos de aparelhos ortopédicos:

      Grade palatina
      Disjuntor
      Máscara facial
      Ativador

      Apneia do Sono: entenda o que é

      Apneia do sono diz respeito á um indivíduo que, durante o sono, deixa de respirar por algum tempo; seus músculos relaxam mais que deveriam, e isso gera um bloqueio das via aéreas; O que acontece, é uma queda nos níveis de oxigênio do sangue. E como resultado, você acorda muitas vezes ofegante e com sensação de falta de ar.

      por quê a apneia é tão perigosa?

      Muitos não fazem ideia, mas o ronco é mais que apenas um barulho incômodo: Ele é um sinal que indica Apneia do sono; que por sua vez, é  um distúrbio respiratório que pode levar o paciente a ter problemas de saúde graves no futuro. Por exemplo, algum desses problemas são: 

      •  Hipertensão- A apneia do sono reduz a eficácia de medicamentos anti-hipertensivos
      • Insuficiência cardíaca- Conforme estudo, pessoas que roncam, produzem troponina substância que indica insuficiência cardíaca.
      • Contribui para o aparecimento de diabetes tipo II– Quanto piores as crises de sono, maior a quantidade de açúcar circulante  na corrente sanguínea.
      • Leva á ansiedade e depressão–  A apneia promove o aumento nos níveis de glutamato– neurotransmissor relacionado ao estresse–  naturalmente, causando ansiedade e depressão.

      Os sintomas da apneia do sono

      • Ronco
      • Engasgo
      • Insônia 
      • Acordar frequentemente
      • Fadiga
      • Alterações  do humor
      • Impotência sexual.

      SOLUÇÕES PARA o problema

      abaixo alguns tratamentos para apneia do sono:

      o tratamento de aparelho intraoral é, antes de tudo, receitado para casos mais
      leves ou moderados da apneia do sono. O aparelho então, irá trazer a mandíbula
      inferior para frente, também puxando a língua, assim aumentando a passagem de ar.

      Para casos mais graves, recomenda-se o CPAP: Aparelho constituinte por uma
      máscara que cobre o nariz (e boca) que é usado durante o sono. Assim, o CPAP
      garante o fluxo de ar necessário para que o paciente não tenha apneia.

       

       

      Caso o paciente não tenha se adaptado ao CPAP ou o aparelho oral, existe também
      outra solução: a cirurgia de avanço mandibular. Ainda, a recuperação é mais
      fácil, pois se trata de cicatrização óssea, não de tecidos.

      Facetas e lentes de contato dentais

      Primeiramente, é necessário entender que mesmo que pareça, lentes de contato e facetas, não são a mesma coisa. Aliás, não somente existe um tipo de faceta dentária, como vários.

      Facetas de porcelana

      Provavelmente o modelo mais conhecido, A faceta de porcelana é feita de um material excelente para fins estéticos. somando a isso, é o mais forte e duradouro material destes acessórios dentais. Nesse sentido, raramente lesionam os tecidos gengivais e garantem um sorriso com naturalidade. Contudo, pode ser realizado a raspagem dos dentes antes da colocação.

       

      Vantagens

      •  Forte e durável
      • Resistente a manchas 
      • Menor chance de fratura, lascamento ou quebra
      • Tem a cor natural de um dente.

      dESVANTAGEm

      • Em alguns casos, o procedimento pode não ser tão rápido.

      fACETAS DE RESINA

      Facetas de resina são feitos de resina composta, dessa forma, são feitos de uma mistura de materiais de origem orgânica e inorgânica. Já o material da colagem é  o mesmo das obturações dentárias da cor dos dentes. Apesar de que são fortes, as facetas de resina não se comparam com as de porcelana, que são mais duráveis e não mancham.

      Vantagens

      • Relativamente resistentes 
      • Duram de 7 a 10 anos 
      • Se feitas á mão livre, requerem apenas uma visita ao consultório

      desvantagens

      • São mais fracas e podem manchar
      • Diferente das folheadas a porcelana, não duram muito
      • Procedimento mais demorado

      Lentes de contato dental

      As lentes de contato dentais, não deixam de ser facetas, são apenas uma opção mais fina. Sendo assim, um material laminado de porcelana ultra fino que requer preparação antes de ser colocado. Ao contrário da que é feita de porcelana comum, aqui a estrutura menos natural é retirada do dente.

      Vantagem

      • Requer menos preparação dos dentes antes da colocação.

      desvantagens

      • Vida útil menos durável que as tradicionais
      • Aparência menos natural
      • Mais propenso a fraturas e danos

      Facetas snap-on

      Também chamada facetas instantâneas, coloque da seguinte forma: Ponha em água quente, e depois pressione contra os dentes. Mas não se engane, esses tipos não são recomendados para uso a longo prazo.Mas, embora práticas, não tem aparência natural como os tipo anteriores, além que está propensa a resultar em cáries.

      exemplo

      Elástico no aparelho fixo: qual sua função?

      Você já viu alguém que tem aparelho fixo usando elásticos na frente, ou nas laterais? Sabe dizer qual a função desses pequenos acessórios para o tratamento? Contamos para você abaixo!

      Qual sua função no aparelho fixo?

      Usado nas últimas etapas do aparelho fixo, o elástico ortodôntico é um acessório muito usado no processo de alinhamento dos dentes, devido ao fato de conseguir puxar vários dentes de uma vez só. Entretanto, não há apenas um modo de posicionar os mesmos.

      Tipos de posições do elástico ortodôntico

      O modo que o elástico for posicionado determinará onde a força será exercida para atingir um certo resultado. Para trazer os dentes para trás, é utilizado uma posição, para frente, outra. Se o encaixe dos dentes ainda não está bom, também colocamos de uma forma específica. Assim, escolhemos citar as posições mais comuns.

      imagem 1
      imagem 2
      imagem 3
      • Observe que na imagem 1 os dentes de baixo se projetam na frente dos dentes superiores, o que se chama de caso tipo III. O elástico colocado dessa forma como na imagem 1 ajuda a corrigir esse desalinhamento.
      • O sorriso da imagem 2 mostra um formato de triângulo, esse tipo é usado caso os dentes não estejam com um encaixe satisfatório ainda, uns em cima dos outros.
      • Finalmente, na imagem 3, o elástico é enroscado do gancho inferior para o superior, denominado caso tipo II. Aqui queremos trazer os dentes salientes para trás.

      Como utilizar?

      DICAS para cuidar do seu aparelho fixo, agora com elásticos:

      •  Troque os elásticos pelo menos 3 vezes ao dia. É recomendado trocá-los pois no decorrer do dia perdem a força. Ponha outros elásticos sempre depois de uma refeição, e antes de dormir.
      •  Quando um dos elásticos arrebentar, não hesite em trocar na mesma hora: Não é recomendado ficar muito tempo sem usá-los.
      • Nos primeiros dias, é normal achar a dor absurda.Os dentes ficam doloridos porquê não estão acostumados com o acessório. se dê tempo para acostumar com o elástico, depois eles não serão mais incômodos.

      O que usar na limpeza de próteses dentárias?

      materiais NECESSÁRIOS

      WATERPICK: Também chamado irrigador dental, funciona como um jato de água para os dentes.

      FIO DENTAL SUPER FLOSS: Como um fio dental comum, porém com o diferencial de ter uma agulha de borracha para levar o fio onde é necessário.

      ESCOVA INTERDENTAL: Uma pequena escova de dentes que permite ser levada por lugares mais difíceis, onde uma escova normal não alcançaria. Também é utilizada para limpar os bráquetes do aparelho.

      ENXAGUANTE BUCAL: Ou antisséptico dental, é um líquido que contém flúor e as vezes, agentes branqueadores, e tem função de evitar cáries, placa bacteriana e mau hálito.

      Waterpick
      Super floss
      Escova interdental

      Por onde começar?

      O recomendado é começar sua limpeza assim:

      • Ligue seu Waterpick e passe o jato de água por toda a dentição, jogando para língua todos os restos de comida, e cuspindo logo em seguida .
      • Passe o fio Super Floss por entre os espaços do implante e gengiva, fazendo movimentos de um lado para o outro.
      • Com a escova, faça a escovação normal, tomando cuidado para não aplicar muita força, pois pode tirar o brilho do dente.
      • Com a escova INTERDENTAL, passe por baixo, escovando entre os implantes e a prótese.
      • Ingira seu enxaguante bucal e mantenha na boca por 60 segundos. Após cuspir, não beba água logo em seguida, senão ele não fará efeito.

      Aparelho fixo tradicional, é ultrapassado?

      sobre os aparelhos ortodônticos convencionais...

      Embora o aparelho tradicional ( o que usa borrachinhas, fio metálico e braquetes) esteja sendo deixado para trás por conta de suas versões mais modernas, é errado dizer que ele caiu em desuso. Visto que atualmente as pessoas não buscam apenas consertar os dentes: Elas desejam que as etapas do processo sejam mais confortáveis, e mais estéticas também.

      Nós temos duas principais opções de aparelhos ortodônticos distintos dos convencionais: O de porcelana e o alinhador invísivel.

      Aparelho de porcelana

      Com aparência parecida de uma contenção móvel, o aparelho ortodôntico de porcelana é bem discreto e não utiliza borrachinhas coloridas tampouco tem uma aparência metálica. Perfeito para pessoas que não querem deixar  á mostra que estão fazendo uso do aparelho, enquanto estiverem sob o tratamento.

      Alinhador invísivel

      Ainda mais discreto que o anterior, o invisalign sequer é perceptível. Se encaixa perfeitamente na arcada dentária e, para quem vê, não aparenta que a pessoa está fazendo o uso. Acima de tudo, é totalmente confortável! Além disso, seu tratamento consegue ser até mesmo mais rápido que se usado do modo tradicional.

      Agora, vejamos outros tipos de aparelho, porém, não necesseriamente voltados para estética:

      AParelho metálico

      O mais famoso dos aparelhos dentários! Nele, são feitas manutenções periodicamente para ”apertar” o aparelho. Entretanto, a desvantagem é que o processo de correção dos dentes é mais demorado. Isto é, tudo depende da disponibilidade do paciente. Desde que a pessoa possa fazer visitas ao dentista frequentemente, e goste das ligas coloridas.

      Aparelho autoligado

      Inicialmente, pode parecer o mesmo que o aparelho ortodôntico convencional, no entanto, vemos que não há a presença de ligaduras: Os braquetes tem opção transparente, assim como os fios. Falando em braquetes, nesse tipo eles são menores e geram menos incômodo, e também não ocasionam machucados na parte interna da boca.

      *Ressaltamos que os tipos citados aqui são os exemplos mais conhecidos, porém, não os únicos.

      Saiba tudo sobre implante dentário

      o que é um implante dentário?

      Implante dentário é o nome que se dá as estruturas feitas de metal (normalmente titânio) que agem como substitutos de dentes problemáticos, tendo aparência e função idêntica a dentes naturais. Mas, por quê os dentes caem, primeiramente? Por conta da cárie dentária, doença periodental ou até fratura dental. Sendo o implante a melhor  alternativa para resolver esse problema, que tanto afeta a autoestima. 

      como é feita a instalação do implante dental

      PROCESSO DE INSTALAÇÃO

      Primeiramente, será feita uma cirurgia de enxerto ósseo dentário, processo de retirar os dentes do paciente para pôr os suportes/pinos no local que será posto o novo dente, porém o processo é completamente indolor; pois o paciente permanece anestesiado durante a cirurgia. Após o enxerto, é implantado o pino onde falta um dente. E o mesmo pode ser colocado logo após a extração, ou depois de meses, o que vai variar para cada caso.

       

      Pós operatório

      O pino implantado irá cicatrizar em repouso por algumas semanas, ou meses, o que cabe a seu dentista dizer; Em alguns casos é feito um dente provisório para o paciente não ficar sem dente nesse tempo. Passada a etapa de cicatrização, é tempo de fazer outra cirurgia: de reabertura , que serve para expor o implante dental, podendo assim instalar outra peça, chamada pilar, que tem objetivo de melhorar a cicatrização da área e facilitar o encaixe do dente. 

      MOLDAGEM DOS DENTES

      Então passamos para fase da moldagem: O dente, além de levar em consideração a cor dos dentes naturais deve pensar também no formato da gengiva, E ainda dos dentes do arco oposto, a fim de conseguir atingir uma boa mordida.

      instalação definitiva

      Existem duas formas de se instalar o novo dente: ou cimentando (colando) ou parafusando, que também, fica á critério do dentista. Após ter o molde, iremos provar e ver se obteve um resultado satisfatório. Ficando bom, o paciente já pode aproveitar seu sorriso novo.  Agora é só fazer o acompanhamento: a cada 6 meses, faça uma visita ao consultório, para realizar exames radiográficos e limpeza dos dentes. Em casos especiais,informações serão passadas pelo dentista, no final do tratamento.

      O processo explicado acima, mas em formato de vídeo: 

      Tipos de implante

      Os tipos de implante são: 

      • Hexágono interno- O primeiro que chegou no mercado, no início da década de 90; Suas limitações motivaram seu aperfeiçoamento para as plataformas seguintes.
      • Hexágono externo- Foi desenvolvido com objetivo de melhorar a resistência do implante, e aprimorar a estabilidade do dente. 
      • Cone-Morse- Chegamos no implante mais moderno! A plataforma com encaixe mais estável e maior preservação óssea desenvolvida até agora. Representa um grande avanço na estabilidade das próteses.

      Entre em contato

      Clicando nesse botão abaixo, você irá encontrar todos os nossos links, sendo eles: Whatsapp, Facebook, Instagram.

      CLIQUE AQUI

      Lentes de contato dental

      As lentes de contato dental são lâminas finas feitas de porcelana, coladas na superfície externa dos dentes. Indicadas para pacientes com pequenas alterações na forma, cor e alinhamento dos dentes, as lentes são perfeitas para quem quer obter um sorriso belo e harmônico rapidamente. Isso porque o tratamento é realizado e finalizado em uma só consulta, durante apenas algumas horas.

      Problemas que as lentes de contato corrigem:

      As lentes de contato são capazes de corrigir diversas alterações e deformidades dos dentes. Algumas delas são:

      • Alteração na cor dos dentes: As lentes podem corrigir e alterar a cor dos dentes para igualar os tons e deixar o sorriso mais harmônico.
      • Dentes fraturados ou desgastados: Também podem corrigir irregularidades encontradas nos dentes, como pequenas fraturas.
      • Espaço entre os dentes: Se o espaço entre os dentes for um incômodo para o paciente, também podemos utilizar as lentes de contato.
      • Sorriso e dentes irregulares: Também podem corrigir irregularidades encontradas na arcada dentária, melhorando o sorriso.

      Por quanto tempo elas duram?

      Outra vantagem que observamos na aplicação das lentes de contato é a sua durabilidade. A estimativa é que as lentes durem de 15 a 20 anos. Entretanto, caso o paciente siga todas as orientações da forma correta, elas podem durar por ainda mais tempo. E é por isso que é tão importante ir ao dentista regularmente, principalmente depois da realização desse procedimento.

      Como é feita a aplicação da lentes?

      A aplicação das lentes é rápida, prática e indolor, realizada em apenas uma sessão. Entretanto, é importante saber que antes de realizar o procedimento, é preciso avaliar a saúde de seus dentes. Logo em seguida, com a saúde bucal em dia, um molde do seu sorriso será feito como base para a produção das lentes. Assim, com tudo pronto, é só realizar o procedimento e finalmente obter o sorriso desejado.

      Lentes de contato dental: o que é, como funciona e preço – Evoluti

      Outras vantagens das lentes:

      Por fim, iremos apresentar mais algumas vantagens das lentes de contato, que são: a preservação da estrutura dentária natural; os dentes mais resistentes; o reestabelecimento da funcionalidade. E, por fim, a maior resistência à manchas depois do procedimento com as lentes de contato.

      A problemática dos dentes tortos

      Apesar de sempre associarmos o desconforto de possuir os dentes tortos com a baixa autoestima, o problema dos dentes desalinhados não é exclusivamente estético. Eles podem trazer diversos problemas de saúde bucal, afetando diretamente a qualidade de vida e o bem estar da pessoa.

      Dentes tortos e a saúde bucal

      Diversos problemas de saúde bucal podem se originar pela má posição dos dentes. Alguns dos mais comuns são as cáries e a gengivite, que surgem pelo acúmulo de tártaro nos dentes (normalmente pela falta de higiene bucal). Ou seja, em caso de dentes desalinhados, a higiene bucal fica comprometida por conta da dificuldade em limpar dentes tortos. Outros problemas muito comuns são:

      • Dores de cabeça e na mandíbula: por conta da mastigação desalinhada e a posição incorreta dos dentes, a mandíbula é forçada de forma errada na hora de mastigar os alimentos. Logo, dores na mandíbula e na cabeça se tornam comuns.
      • Dores de ouvido: A má posição dos dentes também pode afetar a articulação temporomandibular (ATM). Ela fica localizada na frente dos ouvidos e é responsável pelos movimentos mandibulares.
      • Alteração da fonética: Com a posição errada dos dentes, a língua também pode ficar mal posicionada e interferir na fala da pessoa.
      • Mau hálito: Os dentes tortos também favorecem a respiração pela boca, que pode ocasionar problemas na gengiva, língua e, principalmente, mau hálito.
      Fotos de Dentes tortos, imagem para Dentes tortos ✓ Melhores imagens |  Depositphotos

      Qual a causa dos dentes tortos?

      A maior causa dos dentes tortos segue sendo a falta de espaço na boca, que faz com que os dentes permanentes nasçam tortos e um em cima do outro. Ou seja, os dentes desalinhados costumam ser um problema que já se inicia na infância e no nascimento dos primeiros dentes permanentes. Mas a causa dessa problemática pode vir de outros fatores. Por exemplo, os dentes podem se entortar por herança genética, hábitos na infância (como chupar chupeta), respiração incorreta, entre muitos outros.

      Também temos fatores menos comuns, como por exemplo: bruxismo, roer as unhas, ter perda óssea com o avanço da idade e até mesmo o nascimento dos sisos.

      Tratamentos ortodônticos

      A melhor forma de corrigir esse problema é com o tratamento ortodôntico adequado para o seu caso. Já sabemos que, hoje em dia, o uso de aparelhos está cada vez mais moderno, rápido, prático e indolor. Sem falar nas novidades que estão surgindo nessa área, como por exemplo os alinhadores invisíveis. O alinhador invisível é uma opção mais discreta , rápida e estética, criada justamente para quem não quer ter que passar pelos processos do tratamento com aparelhos fixos.

      Tratamento com Alinhadores Invisíveis: Como funciona?

      Alimentação e seu impacto na saúde bucal

      A maioria de nós já sabe os males que o açúcar, por exemplo, pode causar nos dentes e na saúde bucal (como as cáries e o encurtamento do esmalte dentário). Mas o que poucos sabem é que existem outros alimentos que podem ser prejudiciais ou até benéficos para a nossa saúde bucal. Mas afinal, quais são os melhores e piores alimentos para manter a saúde bucal em dia?

      Qual a importância da alimentação na saúde bucal?

      Antes de mais nada, é preciso entender qual a verdadeira relação entre a alimentação e a saúde bucal. Hoje em dia, com o aumento de produtos industrializados e cheios de açúcar, as idas ao dentista tem se tornado cada vez mais preocupantes. Isso porque os dentes precisam de fibras, cálcio, vitaminas A, B e C, ferro, entre outros. Sem eles, pode ocorrer a deficiência dos nutrientes que mantém a saúde da boca em dia, levando a problemas como:

      Doenças periodontais e a saúde bucal:

      As doenças periodontais são infecções que atingem a gengiva e outros tecidos de sustentação da boca. Normalmente, essas infecções aparecem em pacientes que não mantêm uma boa higiene bucal ou com carência de nutrientes. Dessa forma, a falta de nutrientes e vitaminas pode levar ao avanço da doença e, até mesmo, à perda de dentes.

      Manchas nos dentes

      Alimentos muito apimentados ou com muito corante em sua composição podem levar ao escurecimento e amarelamento dos dentes. Em outras palavras, alimentos como café, refrigerante ou vinho podem deixar os dentes com uma aparência manchada e desgastada, além de formar a placa bacteriana.

      4 tipos de clareamento dental - Dental Esthetic Center

      Mau Hálito

      A Halitose (também conhecida como mau hálito) é o mau cheiro presente na boca, normalmente adquirido através de alimentos como cebola, alho e alguns lacticíneos.

      Cáries

      O consumo do tão amado açúcar pode levar ao aparecimento de cáries e ao desgaste do esmalte dental, Isso porque o açúcar serve como alimento e atraí diversas bactérias à boca. Dessa forma, as cáries aparecem, prejudicando sua saúde bucal.

      Quais os melhores alimentos para manter a saúde bucal?

      Abaixo veremos uma lista com os melhores alimentos, cheios de vitaminas nutrientes essenciais para manter a saúde bucal em dia:

      • Azeite extra virgem, castanhas e abacate (gordura boa).
      • Frutas como maçã, pêra e laranja (considerados “alimentos detergentes”, eles limpam os dentes e eliminam os restos de alimento que ficaram grudados nos dentes).
      • Legumes, frutas e verduras (ricos em fibra).
      • Couve, leite e derivados (ricos em cálcio).
      • Espinafre, couve e brócolis (ricos em vitamina A).
      • Lentilha, feijão e arroz integral (ricos em vitamina B e ferro).
      • Frutas cítricas como laranja, limão e kiwi (ricos em vitamina C).
      • Cereais e frutas (ricos em fibras).
      • Água (elimina detritos, ácidos e açúcar, além de estimular a produção de saliva).
      Alimentos saudáveis: quais são? Saiba aqui! | Growth Blog

      E quais os piores alimentos para a saúde bucal?

      Agora veremos os piores alimentos, que afetam e danificam sua saúde bucal se ingeridos com frequência e caso não haja a higienização correta:

      • Álcool (um consumo maior que o normal de álcool leva a desidratação bucal. Ou seja, pode provocar infecções, cáries, periodontite, entre outros problemas).
      • Café (o café, apesar de muito amado, tem a capacidade de remover o esmalte do nosso dente, o deixando poroso e amarelado).
      • Refrigerante (por conta da sua composição cheia de açúcar, os refrigerantes podem causar desmineralização do esmalte do dente e, posteriormente, cáries).
      • Açúcar (o açúcar pode provocar uma queda no PH do dente, a desmineralização do esmalte e até mesmo as cáries).