Primeiramente, é importante ressaltar que existem diversas informações incorretas relacionadas à saúde bucal. Dentre elas, o clareamento dental é um tema que apresenta muitos mitos. Continue lendo para descobrir a verdade sobre esse assunto.

Ter dentes mais brancos é um desejo comum entre as pessoas. No entanto, nem todos os métodos de clareamento dental são confiáveis ou eficazes para atingir a tonalidade desejada.

Você sabe quais são as práticas recomendadas e não recomendadas para alcançar um sorriso mais branco?

COMO (NÃO) CLAREAR OS DENTES

Existem muitas receitas caseiras na internet que prometem clareamento dental instantâneo. No entanto, a maioria delas não é eficaz e pode até ser prejudicial à saúde bucal. Por exemplo, o uso de vinagre de maçã, leite em pó com creme dental, água oxigenada ou bicarbonato com limão não é recomendado.

Embora o bicarbonato possa dar a impressão de clareamento, ele na verdade desgasta os dentes e, quando combinado com o limão, pode causar ainda mais danos. E não é isso que se espera, certo?

o verdadeiro clareamento dental

Agora que você já sabe o que evitar ao buscar um clareamento dental, é hora de conhecer as opções mais eficazes. Atualmente, existem diversos tratamentos disponíveis para quem deseja ter dentes mais brancos. Vamos explorar as opções mais comuns:

Clareamento caseiro

O clareamento dental caseiro com placa de silicone e gel clareador é uma opção eficaz para quem deseja ter dentes mais brancos. O paciente recebe uma placa personalizada que deve ser preenchida com o gel e usada durante a noite para obter os melhores resultados.

Placa de clareamento dental feita em silicone na clínica Prime Sorriso.

técnica com laser

O clareamento dental a laser é um tratamento rápido e eficaz para quem deseja ter dentes mais brancos. O procedimento é realizado no consultório odontológico e utiliza luz laser para ativar o gel clareador aplicado nos dentes, proporcionando resultados imediatos.

clareamento interno

O clareamento dental interno é um tratamento indicado para dentes que escureceram devido a traumas ou tratamentos de canal. O procedimento é realizado no consultório odontológico e consiste na aplicação de um agente clareador dentro do dente afetado para restaurar sua cor natural.

MITOS E VERDADES SOBRE CLAREAMENTO DENTAL

OS DENTES FICAM DANIFICADOS

É um MITO que o clareamento dental enfraquece ou deixa os dentes porosos. Embora possa haver um aumento temporário na sensibilidade dentária, o procedimento não corrói o esmalte e a sensibilidade tende a diminuir após o tratamento.

ALGUNS ALIMENTOS SÃO PROIBIDOS

É VERDADE que para manter o resultado do clareamento dental é necessário regular alimentos com corantes. Alguns exemplos incluem:

  • café;
  • refrigerantes à base de cola;
  • beterraba;
  • chocolate; e
  • chá preto.

Esses alimentos podem interferir na durabilidade do tom alcançado no procedimento e, portanto, é recomendado evitá-los.

TODOS PODEM FAZER O PROCEDIMENTO

É um MITO que todos podem realizar o tratamento de clareamento dental. Existem algumas contraindicações para o procedimento, incluindo mulheres grávidas, pacientes com sensibilidade ao medicamento e crianças menores de 10 anos.

É importante consultar um dentista para determinar se o clareamento dental é adequado para você.

BICARBONATO DE SÓDIO CLAREIA OS DENTES?

É parcialmente verdade que o bicarbonato de sódio pode ser usado para clarear os dentes.

Embora seja frequentemente recomendado para esse fim, é importante notar que é uma substância altamente abrasiva e deve ser usada com cautela, recomendavelmente, apenas no consultório e após a consultar um dentista.

 

Este conteúdo foi atualizado e revisado em 05/05/2023, às 11h10.

 

One thought to “Mitos e verdades sobre o clareamento dental”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − dezesseis =