Sedação com Óxido Nitroso – Solução para os pacientes odontofóbicos

Ir ao dentista pode parecer simples para algumas pessoas.

Mas para outras, apenas o fato de pensar em um consultório odontológico, gera uma ansiedade inexplicável, uma sensação de medo e um verdadeiro pânico.  

Podemos chamar esse indivíduos de  odontofóbicos.

Para o alívio dessas pessoas, agora é possível fazer qualquer tipo de tratamento odontológico, usando a sedação consciente com óxido nitroso.

Esse processo de sedação é feito por inalação e o paciente continua consciente durante todo o procedimento.

Porém mais calmo e colaborativo, sem sentir as intervenções feitas pelo dentista.

Entretanto, no Brasil, ainda são poucos os cirurgiões-dentistas que usam essa técnica.

O que é o óxido nitroso?

O óxido nitroso (N2O) é um gás incolor, de cheiro adocicado, que possui efeito ansiolítico, relaxante e levemente analgésico.

Como funciona?

Sua função é basicamente acalmar o paciente que teve alguma experiência ruim com dentistas, para que ele fique mais tranquilo e cooperativo durante o tratamento odontológico, reduzindo o medo e permitindo o atendimento.

Existe contra-indicação?

Na sedação inalatória, como já dissemos, o paciente fica consciente durante todo o tempo do atendimento, o que permite o controle da sedação.

Então a sedação pode ser diminuída ou aumentada, conforme a resposta clínica do paciente.

Portanto é extremamente segura e não apresenta contra indicação, em absoluto. 

Concluindo:

Com o uso do óxido nitroso de maneira correta, é possível fazer tratamentos simples ou complexos, já que é possível aumentar o tempo de trabalho do dentista.

Isso porque o paciente se torna mais cooperativo, reduzindo seus movimentos inesperados e assim aumentando a segurança clínica durante todo o procedimento odontológico.

Na grande maioria dos casos, os pacientes voltam para novas consultas ou para fazer novos tratamentos odontológicos.

Retornam com mais confiança, calmos e tranquilos, permitindo que o dentista faça as avaliações orais necessárias, ou seja, permitindo a manipulação oral sem o uso da sedação.

E você? Tem algum receio de ir ao dentista?

Gostou dessa matéria?

Agende agora mesmo uma avaliação com nosso especialista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *