Veja aqui algumas dicas para ter uma saúde bucal saudável e sorria para a vida!


Compartilhe este conteúdo com seus amigos

Já dizia a vovó, prevenir é melhor que remediar. Veja aqui algumas dicas para ter uma saúde bucal desejável e sorria para a vida.

Cuidar da saúde desde bebê é o ideal. Cada fase da vida exige cuidados diferentes e, por isso, é preciso ficar atento às próprias necessidades e também às das crianças, se tiver filhos. Enquanto que os pequenos correm mais riscos de cáries por comer guloseimas, os adultos devem cuidar com a degradação dos dentes de acordo com o avanço da idade e a perda óssea.

Ter um bom plano de saúde, fazer uma avaliação a cada seis meses, manter hábitos de higienes e outras atitudes garantem não apenas um sorriso bonito e dentes mais saudáveis, mas também evitam a perda óssea e os problemas gerados pela idade. Ninguém quer substituir a arcada dentária por dentadura, certo? Para quem cuida dos dentes da forma correta, é possível retardar muito a perda dentária durante a velhice e manter os dentes saudáveis por mais tempo.

Como garantir uma boa higiene bucal?

Veja aqui algumas dicas para ter uma saúde bucal saudável e sorria para a vida!

Uma boa higiene bucal é uma das medidas mais importantes que você pode adotar para manter seus dentes e gengiva em ordem. Dentes saudáveis não só contribuem para que você tenha uma boa aparência, mas são também importantes para que você possa falar bem e mastigar corretamente os alimentos. Manter uma boca saudável é importante para o bem-estar geral das pessoas. Os cuidados diários preventivos, tais como uma boa escovação e o uso correto do fio dental, ajudam a evitar que os problemas dentários se tornem mais graves. Devemos ter em mente que a prevenção é a maneira mais econômica, menos dolorida e menos preocupante de se cuidar da saúde bucal e que ao se fazer prevenção estamos evitando o tratamento de problemas que se tornariam graves. Existem algumas medidas muito simples que cada um de nós pode tomar para diminuir significativamente o risco do desenvolvimento de cárie, gengivite e outros problemas bucais.

•Escovar bem os dentes e usar o fio dental diariamente;

•Ingerir alimentos balanceados e evitar comer entre as principais refeições;

•Usar produtos de higiene bucal, inclusive creme dental, que contenha flúor;

•Usar enxaguante bucal com flúor, caso seu dentista recomende;

•Garantir que crianças abaixo de 12 anos tomem água potável fluoretada ou suplementos de flúor, caso habitem regiões onde não haja flúor na água.

Como posso deixar meus dentes mais brancos?

Veja aqui algumas dicas para ter uma saúde bucal saudável e sorria para a vida!

A limpeza geral feita por um dentista remove as manchas causadas por alimentos e pelo tabaco. O uso de um creme dental branqueador também pode ajudar a remover estas manchas até sua próxima consulta. Se seus dentes estiverem manchados há muito tempo, é possível que você tenha que fazer um tratamento profissional para branqueá-los.

As manchas internas podem ser branqueadas ou recobertas (coroas). Todos estes métodos são seguros e trazem bons resultados. Seu dentista poderá recomendar o tratamento apropriado, dependendo do estado dos seus dentes e dos resultados desejados.

Que efeitos podem a alimentação ter na minha saúde bucal?

Veja aqui algumas dicas para ter uma saúde bucal saudável e sorria para a vida!

Além de influenciar a saúde geral, a alimentação adequada é requisito básico para a manutenção de dentes e gengivas saudáveis. Uma alimentação balanceada dá aos tecidos da gengiva e dos dentes os nutrientes e minerais de que necessitam para permanecerem fortes e resistirem a infecções que podem levar à gengivite. Além disso, os alimentos fibrosos (como as verduras e frutas) ajudam a limpar os dentes e tecidos gengivais. Os alimentos moles e pegajosos tendem a ficar presos entre os dentes, produzindo mais placa bacteriana.

Quando você consome alimentos e bebidas que contêm açúcar e amido, as bactérias da placa produzem ácidos que atacam seus dentes durante 20 minutos ou mais. Para reduzir o dano ao esmalte dos dentes, limite o consumo de alimentos e bebidas entre as principais refeições. E quando você comer entre as refeições, escolha alimentos nutritivos como queijo, verduras cruas, iogurte natural ou frutas.

Enfim, temos tantas dicas e conselhos de como cuidar da saúde bucal e assim mesmo ainda há muitos problemas em todas as classes sociais. Concluímos que as pessoas continuam relaxado por acharem que só precisa ir ao dentista quando há dor de dentes, de outra forma está tudo bem.

Por precaução crie o hábito de ir ao dentista, conforme a recomendação já antiga, ao dentista periodicamente de seis em seis meses e sorria saudável para a vida.